Como o profissional da estética deve preparar o ambiente para atendimento.

Como o profissional da estética deve preparar o ambiente para atendimento

Quando se trata em organizar toda estrutura de relação com o cliente e as regras sanitárias, muitos profissionais da estética possuem dúvidas acerca do que devem realizar. Abaixo você encontrará algumas especificações do que é preconizado em relação a vigilância sanitária.

O que o profissional precisa fazer:

  • Encapar as abas do carrinho de auxílio e lupa com filme plástico. Estes devem ser trocados a cada cliente;
  • Higienizar as mãos antes de iniciar qualquer procedimento;
  • Higienizar o local (abrangente) do procedimento no cliente;
  • Se for necessário utilização de luvas, toucas, máscaras, etc. Utilizar do início ao fim do tratamento, sempre descartando ao finalizar o atendimento. 

Os lençóis e demais produtos descartáveis que forem de uso do profissional ou do cliente devem ser de uso exclusivo para aquela pessoa durante o atendimento. É proibido usar a mesma toalha ou o mesmo lençol em dois clientes. Ao final do atendimento o profissional deve lavar as mãos e jogar no lixo os materiais descartáveis ou de uso único (como a espátula descartável). No caso do uso de agulhas, utilizadas em limpeza de pele, as mesmas devem ser descartadas em caixa perfuro cortantes (cor amarela).

  • Antes do próximo atendimento, o profissional deve realizar assepsia/limpeza dos equipamentos e acessórios, conforme orientação do fabricante;
  • Para instrumentos que tenham contato com sangue ou secreções como cureta ou pinça, é preciso fazer a descontaminação por esterilização devido ao risco de contaminação;
  • Lavar e desinfetar os produtos reutilizáveis (ex. cureta) e outros itens reutilizáveis;

Proteção para o profissional da estética

As medidas de segurança vão desde o uso de luvas – fundamental caso haja contato com sangue, fluídos corpóreos, pele não íntegra e também para manuseios de materiais ou superfícies sujas com sangue e fluídos, independente do diagnóstico do cliente (ANVISA, 2000); além de óculos, avental, touca e principalmente a higiene das mãos. Um ambiente limpo e organizado, mesmo em instalações físicas simples, proporciona o bem estar tanto para o cliente quanto para a equipe de trabalho. 

Alguns equipamentos de Proteção Individual são imprescindíveis para prevenção de contaminação por microrganismos:

  • Luvas descartáveis (de látex ou vinil);
  • Máscara descartável (de preferência tripla e com elástico);
  • Touca descartável;
  • Avental descartável (o tamanho será baseado no risco oferecido pelo procedimento);

Lembrando que, para compor um atendimento de qualidade, os produtos utilizados devem possuir nota fiscal e registro na vigilância sanitária, além do registro sanitário da empresa que o fornece. O Centro de Distribuição da Resportes possui todos os registros necessários e um atendimento personalizado para atender o seu negócio. Clique aqui e fale com um representante!