Como controlar o estoque de produtos e insumos em clínica e consultório?

Você já parou para pensar o quanto você compra e utiliza de produtos descartáveis, o quanto desperdiça ou o quanto compra a mais ou a menos?

Se você não tem esses dados em mãos, precisa repensar o controle de estoque da sua clínica. Pois é através da análise do estoque que identificamos perdas e prevenimos erros de compra na operação. 

Este artigo tem como o objetivo auxiliar a sua tomada de decisão no que diz respeito ao controle de estoque da sua clínica, seja de estética ou saúde. 

Muitos profissionais e gestores não se preocupam com o estoque, sempre o deixam em segundo plano e focam na operação técnica, marketing, etc. Porém, esse pensamento pode causar prejuízos para a clínica e para o dono do negócio. 

O controle total do que entra e sai na sua empresa ajuda a evitar prejuízos de diversos pontos, como por exemplo: furtos, perda de materiais e demora no uso do material.

Além disso, se determinado item está parado há muito tempo é sinal de que não há um controle rígido da curva de compra.

Por exemplo, se você utiliza 20 rolos de papéis higiênicos no mês, não é interessante compras 50 rolos ao mês. Isso aumenta o seu custo com fornecedores e gera provável perda de material. 

Agora imagine um produto que você utiliza para determinado tratamento no paciente, se ele acabar, você não consegue entregar o seu serviço e isso pode gerar prejuízo tanto financeiro, quanto para o cliente. 

Então você começou a entender a importância de controlar o seu estoque. No Blog da Resportes, você terá artigos que vão te ajudar a melhorar o controle e você pode baixar o Ebook Controle de Estoque gratuitamente clicando aqui!

Até a próxima!